Home » » O que é um Blockbuster - Parte 1

O que é um Blockbuster - Parte 1

Blockbuster: o nome dado a uma bomba aérea na 2 guerra mundial grande o suficiente para destruir um quarteirão inteiro. Portanto, em tradução livre para o português, podemos chamar de "arrasa-quarteirão". Nos cinemas, Blockbuster é o termo usado para designar os filmes mais assistidos no cinema, e atualmente  utilizado em Hollywood para aqueles filmes que são grandes produções e campeões de bilheteria.


Este termo foi usado pela primeira vez para um filme de sucesso em 1975 com Jaws, ou melhor, Tubarão. O longa de Steven Spielberg foi o primeiro em toda a história a superar US$ 100 milhões nas bilheterias, tendo custado aproximadamente US$ 9 milhões com direito a um tubarão dando defeito toda hora. Nos EUA, as filas que se formaram para entrar no cinema eram gigantescas a ponto de dar a volta no quarteirão - mas ainda assim fichinha pra qualquer fila de atendimento em posto de saúde ou matrícula em escola pública aqui no Brasil. Tubarão arrecadou US$ 460 milhões pelo mundo e ainda hoje segue entre as maiores bilheterias de todos os tempos. Spielberg é responsável por alguns dos maiores sucessos do cinema, como E.T., Contatos Imediatos de Terceiro Grau e um dos maiores blockbuster's dos anos 90, Parque dos Dinossauros.

Cheguei primeiro!
Se for fazer uma lista de filmes mais caros, com maior investimento, ou de maior bilheteria, teria pelo menos uma atualização por ano. Vou citar, a partir de alguns sites e blogs especializados, os que provavelmente serão eternos filmes TOP. Os valores podem estar desatualizados ou posso ter pesquisado fontes erradas, mas não tiram o papel de destaque de todas as obras citadas e o custo absurdo de orçamento e bilheteria.

Avatar (2009), foi a produção mais cara da história do cinema (US$ 257 milhões) e que detém o recorde de maior bilheteria com US$ 2,80 bilhões. Escrito e dirigido por James Cameron, o rei dos Blockbusters, trouxe uma nova tecnologia que revolucionou o cinema 3D. Titanic (1997) também é um dos filmes mais vistos de todos os tempos. Na época foi o longa mais caro da história (US$ 200 milhões). A bilheteria total foi de US$ 1,843 bilhão. Pra fechar a lista Cameron, O Exterminador do Futuro 2 (1991), foi o primeiro filme da história a custar mais de US$ 100 milhões de produção. A ficção é apontada como uma das melhores e mais bem-feitas seqüências de uma produção hollywoodiana, e é quase inacreditável como aquele andróide metamorfo conseguiu ficar tão perfeito com a tecnologia da época.

Eu já fui o Rei dos Blockbusters!

Mas nenhum dos filmes acima detém o recorde de filme mais caro do mundo. Piratas do Caribe: No fim do mundo (2007) e o clássico Cleópatra (1963), estrelado por Elizabeth Taylor, brigam pela posição. A indefinição acontece devido à imprecisão do valor de custo de preodução de Cleópatra. Com a inflação, seu orçamento varia entre US$ 330 e US$ 340 milhões. Já Piratas 3 teve custo de US$ 336 milhões. A 3ª posição ainda é de Homem-Aranha 3, com US$ 289 milhões. Fazer areia se mexer é caro, né? Mesmo chovendo críticas negativas, o longa ultrapassou os US$ 800 milhões em bilheterias, provando que Blockbuster não é necessariamente sinônimo de filme bom. Piratas 2: O Baú da Morte (2006) custou um poquinho menos, US$ 259 milhões. 

A saga do bruxo mais famoso do mundo Harry Potter também tem lugar de absoluto destaque. Todos os 8 filmes são ótimos exemplos de arrasa-quarteirão, mas em termos de cifras, O Enigma do Príncipe (2009), sexto da franquia, teve o maior orçamento de US$ 271 milhões, enquanto que o capítulo final As Relíquias da Morte - Parte 2 é uma das maiores arrecadações da história com US$ 1,32 bilhão pelo mundo.



Já que estamos citando sagas, a trilogia de J. R. R. Tolkien O Senhor dos Anéis, dirigida por Peter Jackson, é responsável pela chegada dos blockbuster's ao Oscar. Ao todo, recebeu 30 indicações e faturou 17 estatuetas. Os três filmes arrecadaram cerca de US$ 3 bilhões. O Retorno do Rei recentemente perdeu sua posição para o último Harry Potter e para o terceiro filme da franquia Transformers, mas possui respeitáveis US$ 1,12 bilhão de arrecadação. Falando nos carrinhos-robôs de Michael Bay, a bilheteria de Transformers 3 - O lado oculto da Lua é de US$1,19 bilhão.

Você esperava mesmo a foto de um robô aqui?
Saga por saga, é crime não citar Guerra nas Estrelas (1977). O original e suas primeiras sequências tornaram-se um verdadeiro fenômeno mundial de cultura popular até hoje (e sempre!) e arrecadaram mais de US$ 4.41 bilhões. Apesar de não terem correspondido às expectativas, os episódios da nova trilogia também são recordistas de público, com média de mais de US$ 1 bilhão em bilheteria.

Luke, I'm Your Blockbuster!

No entanto, às vezes nem tudo sai como esperado. Alguns filmes caríssimos tiveram pouca recepção nas bilheterias, ou pior, foram fracassos de público e crítica. Um dos maiores exemplos é Waterworld - O segredo das águas (1995), com custo de US$ 170 milhões, (desculpem o trocadilho) afundou nas bilheterias com "apenas" US$ 88 milhões. John Carter (2012) é o exemplo mais recente. Apesar de ter gostado muito do filme, parece que sou exceção. Os estúdios da Disney tiveram um  prejuízo de US$ 200 milhões com John Carter. Por sorte, dois meses depois, a Disney lançou Os Vingadores, com arrecadação de mais de US$ 1,5 bilhão de dólares no mundo.


Por que não fui um Blockbuster????

 Além do aranha, filmes de super-heróis são figuras fáceis em campeões de bilheteria. Batman (1989), de Tim Burton, custou US$ 35 milhões aos estúdios e faturou US$ 411 milhões. As novas sequências do morcego, sob a direção de Christopher Nolan, também possuem valores astronômicos de produção e bilheteria, com The Dark Knight e TDK Rises possuindo mais de US$ 1 bilhão em bilheteria cada. Homem de Ferro (2008) também merece destaque, orçado em US$ 140 milhões e faturado em mais de US$ 600 milhões. Completam o "clube do bilhão" Toy Story 3 e Alice no País das Maravilhas (esse não é merecido, mas mostra novamente o poder de Johnny Depp). Filmes de super-heróis, se não é 100% garantido ser um blockbuster, já é mais de meio caminho andado...
O melhor filme NERD de super-heróis já feito!
A duas últimas sagas que cito são as de 007 e Crepúsculo. Ainda com os filmes mais recentes nos cinemas na época em que este artigo está sendo escrito, ambos já são detentores de marcas consideráveis. 007 - Operação Skyfall já se tornou mundialmente a maior arrecadação da Sony Pictures, batendo Homem-Aranha 3, com US$ 918 milhões (e ainda vai aumentar) e já é o filme mais visto do Reino Unido. Amanhecer - parte 2, o último capítulo da saga Crepúsculo, já bateu os filmes anteriores e até o momento passou de US$ 700 milhões.

Blockbusters...não tem como fugir deles...
 Claro que deixei muita coisa de fora, mas só pelos filmes citados aqui já deu pra ter uma noção do que é ser um Blockbuster, espero. Mas o que é preciso então para um filme ser esse tal Blockbuster? Existe uma equação que deve ser seguida a risca para garantir o sucesso de um filme? Este é o tema da Parte 2 deste especial.

1 comentários:

  1. hehehehe Impressionante, escuto esse termo desde quando me entendo por gente (principalmente por causa da locadora homônima) e não fazia ideia do real sentido =P
    Alguns porcentos menos ignorante :)
    Interessante demais! Valeu, Léo!

    ResponderExcluir

Bem-vindo!

Sou um colecionador de dvds e criei este blog para compartilhar minhas opiniões e críticas pessoais com demais apreciadores de filmes. Seus comentários são mais do que bem-vindos.

No catálogo acima encontra-se a relação de todos os meus filmes, contendo sinopse, elenco e demais dados técnicos. É só clicar na palavra "catálogo".

Lembrando que os filmes aqui listados não estão disponibilizados para download.

Arquivo do blog


eXTReMe Tracker

Tecnologia do Blogger.
 
Copyright © 2015 Coluna do Leocasillo - DVDTeca
Adapted By denisfln