Home » » Filmes sobre gravidez

Filmes sobre gravidez

Aproveitando que está chegando a comédia O que esperar quando você está esperando e também atendendo a um pedido da minha amiga grávida Rose (não se nega pedido a uma grávida) e pra minha prima torta Renata que também está neste estado, fiz uma lista básica de filmes sobre gravidez. Como quase sempre, minha lista começa com os filmes dos anos 80 e vai até os mais recentes. Espero que gostem da seleção.

Anos 80

Vou começar pelos clássicos dos anos 80. Mas antes um desabafo. Hoje alguns estão ignorados, esquecidos, ultrapassados e tem gente que não os assiste por puro preconceito e tem  até vergonha de dizer que assiste estes filmes, que são da época de ouro da sessão da tarde. Alguns até podem mesmo estar "datados", mas tem muita coisa boa por aí, muito melhor que obras recentes. Chega de enrolação. Dessa época, os indicados são:

- Minhas duas muheres (Micky + Maude) (1984): Jornalista de televisão é casado com advogada e tem caso com violoncelista. Ele gostaria de ser pai, mas não da maneira como foi. As duas mulheres engravidam ao mesmo tempo e ele passa nove longos meses garantindo a tranqüilidade das duas. // Comédia praticamente desconhecida de Blake Edwards. Nunca achei pra comprar.

Ela Vai Ter um Bebê (She's Having a Baby) (1988): Jovem casal é pego de surpresa pela notícia de que ela está grávida e terão que crescer e aprender a lidar com as dificuldades de ter um bebê recém-saídos da adolescência.Mostra um ponto de vista masculino sobre a relação do casal com a chegada de um filho, aliada a questões sobre carreira, casamento e família. Com Kevin Bacon e Elizabeth Mcgovern. // Lembro pouco, mas é bem elogiado pela crítica.

 

- Três solteirões e um bebê (Three man and a baby) (1987): Três amigos (Tom Selleck, Steve Guttenberg e Ted Danson) dividem um apartamento e dedicam grande parte do tempo livre para se divertirem com um time interminável de namoradas. Um dia, um bebê é deixado na porta do apartamento deles, com um bilhete da mãe (Nancy Travis) dizendo não ter condições de cuidar da filha no momento. O pai (Danson) é um ator que está atualmente filmando na Turquia. Então os outros dois resolvem cuidar da criança, mas isto afetará a vida dos três muito além do que possam imaginar. // Esse é o primeiro clássico da sessão da tarde comentado nesse tópico. Faz muito tempo que não o vejo, mas adorava quando passava na TV. Gerou a sequência Três solteirões e uma pequena dama. Recentemente uma produtora relançou em DVD alterando o título para Três homens e um bebê.

Mais ou Menos Grávida / A Cegonha não pode esperar (For Keeps) (1988): uma inesperada gravidez obriga os jovens Darcy e Stan, que pretendiam se casar apenas depois de formados, a apressar o casamento e enfrentar a resistência da família, renunciar a alguns sonhos e driblar as dificuldades para conseguir criar sua filhinha e manter-se juntos, especialmente quando se é jovem demais. // Como dito a pouco, filme com dois títulos em português. No elenco está uma das queridinhas dos anos 80, a ruivinha Molly Ringwald (Clube dos cinco, Gatinhas e Gatões, etc).




- Flores de Aço (Steel Magnolias) (1989): Seis divas das telas de cinema – Sally Field, Dolly Parton, Shirley MacLaine, Daryl Hannah, Olympia Dukakis e Julia Roberts – juntan-se como amigas do coração, nessa comovente história de vida, amor e perda em uma pequena comunidade da Louisiana. No centro do grupo está Shelby Eatenton (Julia Roberts), recém casada e grávida radiante, apesar da diabetes ameaçar sua vida quando o bebê nascer. Aterrorizada e nervosa com a possibilidade de perder sua filha única, M’Lynn Eateton procura em suas quatro amigas íntimas força e alegria, enquanto enfrenta seus medos mais profundos para se unir a Shelby na celebração do milagre da vida. // Passa no TCM de vez em quando. Assista.

- Olha quem está falando (1989): Mollie (Kirstie Alley) é uma mãe solteira que está procurando o pai ideal para seu filho, Mikey, e James Ubriacco (John Travolta) é um taxista que parece ser o homem perfeito para ela e Mikey, o qual acompanhamos todos os seus pensamentos desde a sua concepção (voz original de Bruce Willis). // Além do filme ser muito divertido, é uma boa oportunidade de revermos Kirstie Alley antes dela ficar assim. O filme fez tanto sucesso que gerou duas sequências: Olha quem está falando também e Olha quem está falando agora. Mas o primeiro é o melhor de todos.



Eu poderia incluir A Lagoa Azul aqui, mas acho que seria forçar um pouco a barra. Enfim, vamos seguir na linha do tempo.

Anos 90

          

- Olha quem está falando também (1990): Mikey (Lorne Sussman) consegue fazer com que sua mãe  Molly (Kirstie Alley) se case com o motorista de táxi James Ubriacco (John Travolta). Molly fica grávida e dá à luz a uma filha, Julie. Quando Julie chega em casa, Mikey tem que aceitar a nova irmã, uma menina que pensa tão alto quanto ele. // Melhor que a sequência com os cachorros, mas não supera o primeiro.

- Minha Vida (My Life) (1993): Bob Jones (Michael Keaton), proprietário de uma empresa de relações públicas, tem um casamento sólido e feliz. Gail Jones (Nicole Kidman), sua mulher, espera um filho, mas ele é portador de um câncer inoperável e tem os dias contados Com isso, decide então gravar um vídeo para o filho, se apresentando e passando para ele toda sua experiência, desejando muito estar vivo no dia de seu nascimento. // Apesar de pouco conhecido, vale muito a pena ver esse filme. Tenho na coleção e recomendo. É emocionante. Triste, mas emocionante.



- Ninguém segura esse bebê (1994): Em Chicago o bebê Bink tem todo o amor do mundo e tudo que o dinheiro pode comprar. Entretanto, três malandros, liderados por Norby (Joe Pantoliano), se passam por fotógrafos e seqüestram a criança. No entanto o bebê foge e percorre a cidade, visitando os lugares que viu no seu livro. // Outro típico exemplar de sessão da tarde que depois foi para o SBT. Nunca mais assisti.

- Júnior (1994): Dois cientistas impedidos de continuar sua pesquisa sobre fertilidade, decidem implantar um óvulo em um deles, Arnold Schwarzenneger, que... engravida. // Filme sem noção, interessante pra ver Schwarzenneger fugindo dos papéis de ação.

- Nove Meses (1995): Um psicólogo infantil entra em crise ao ficar sabendo que sua namorada está grávida e terá 9 meses para crescer e se acostumar com a idéia que o apavora de encarar a paternidade. // Bom filme com Hugh Grant e Julianne Moore. Destaque para alguns ótimos diálogos como: "Minha bolsa estourou!" "Tudo bem, a gente compra outra."

- O Pai da Noiva 2 (1995): Após todas as confusões envolvendo o casamento de sua filha, George Banks vê sua vida virar de cabeça para baixo ao receber uma dupla notícia: sua filha recém-casada e sua esposa estão grávidas. // Sequência da comédia de 1991 com Steve Martin e Diane Keaton.


Anos 2000

- Como fazer bebês (Maybe Baby) (2000): Um casal bem sucedido tenta a todo custo engravidar. Após várias tentativas para conceber o filho, desde acupuntura, tratamentos alternativos, métodos modernos, música new age e até programas de ajuda energéticos, eles procuram um famoso médico que lhes apresenta um delirante mundo de gráficos de ovulação. Ao mesmo tempo, Sam começa a escrever um livro que retrata a epopéia do casal para ter um filho. // Com Hugh Laurie antes de ser o famoso Dr. House. Deixe pro fim da fila.



- Quando me Apaixono (Then She Found Me) (2005): April (Helen Hunt) é casada com Ben Green (Matthew Broderick) e, prestes a chegar aos 40 anos, deseja desesperadamente ter um filho. Só que suas tentativas não dão efeito e, para piorar, seu marido deseja se separar. Logo em seguida, sua mãe adotiva falece e ela é procurada por Bernice Graves (Bette Midler), uma apresentadora de TV que diz ser sua mãe biológica. Perdida em meio a tantas reviravoltas, April conhece Frank (Colin Firth), o pai de um de seus alunos, que também vive um momento conturbado devido a uma recente separação. // Médio.



- Juno (2007): A história de uma adolescente que engravida acidentalmente do melhor amigo na única noite em que ficam juntos. Ela decide entregar o bebê para adoção e passa a conviver com o casal que vai adotá-lo. Com Ellen Page e roteiro de Diablo Cody. // Filme superestimado na época, vencedor de vários prêmios. Hoje já não faz mais sucesso como na época do seu lançamento. 

- Ligeiramente Grávidos (Knocked Up) (2007): Depois de uma noite juntos, Ben e Allison, dois jovens completamente diferentes, tem que encarar as dificuldades de uma gravidez inesperada. Com Seth Rogen e Katherine Heigl. // Comédia do diretor Judd Apatow, no mesmo estilo de seus filmes anteriores como "O Virgem de Quarenta Anos". Esta comédia é apelativa e hiperlotada de palavrões e não vai funcionar pra todos. Se não é seu estilo, deixe lá pro final da fila. Mas tem umas partes bem engraçadas.

 

- Uma mãe para meu bebê (Baby Mama) (2008): Kate Holbrook é uma bem-sucedida mulher de negócios que a vida toda dedicou-se ao trabalho. Agora chegou aos 37 anos de idade e passou a sonhar com uma gravidez. O problema é que ela descobre que é infértil. Decidida, contrata a jovem Angie Ostrowiski para ser sua "barriga de aluguel". // Nunca assisti. 

Meu trabalho é um parto (Labor Pains) (2009) - Thea é uma jovem assistente que trabalha em uma agência em Los Angeles.Quando seu chefe a ameaça de demissão, ela entra em pânico eacaba dizendo que está grávida. Essa jogada não só ajuda Thea a manter seu trabalho, como também faz com que ela seja tratada diferente por seus colegas e seja promovida. Então ela resolve continuar a farsa por mais nove meses. // Comédia estrelada pela garota-problema Lindsay Lohan. Não tive a oportunidade de ver ainda, mas as críticas foram surpreendentemente boas.

- Bebê a Bordo (Baby on Board) (2009): O filme conta a história de um casal muito bem casado, protagonizado por Heather Graham e Jerry O’Connell, cujas vidas e carreiras de sucesso se tornam um caos graças a uma gravidez não planejada. A situação dos dois se complica ainda mais com os desastrados conselhos sobre casamento dados por seus melhores amigos, um casal amargurado interpretado por John Corbett e Katie Finneran. // Não assisti e quase ninguém do Filmow gostou. Dizem que é apelativo, e com essa atriz Heather Graham no elenco deve ser mesmo. Se estiver passando no canal Viva, prefira a novela de mesmo nome.

A forçada de barra dessa década fica por conta de Shrek Terceiro (2007). Fiona está grávida, então vale =D

Mais recentes:

- Coincidências do amor (The Switch) (2010): Kassie (Jennifer Aniston) é uma mulher madura e bem sucedida que sempre sonhou em ser mãe e decide fazer uma produção independente. Seu melhor amigo, Wally (Jason Bateman) não concorda com a escolha de Kassie, mas por gostar dela opta por não atrapalhar seus planos. Ela então prepara uma “festa de inseminação”, mas tudo dá errado e ela termina grávida, mas não do candidato que escolheu. // As comédias românticas da Jennifer Aniston geralmente são péssimas, mas essa aqui muita gente gostou.

 - Plano B (The Back-Up Plan) (2010): Plano B' conta a história de uma mulher (Jennifer Lopez) desesperada para ter um filho, quando ela decide recorrer à inseminação artificial utilizando o esperma de um doador. Porém, no dia em que seu exame de gravidez dá positivo, ela conhece o homem de seus sonhos. // Gosto dos filmes da J Lo apesar de preferir o lado cantora. Esse eu gosto bastante.

- As mães de Chico Xavier (2011): Três mães vêem sua realidade se transformar por completo: Ruth (Via Negromonte), cujo filho adolescente Raul  enfrenta problemas com drogas; Elisa (Vanessa Gerbelli), que tenta suprir a ausência do marido dando total atenção ao filho, o pequeno Théo, e Lara (Tainá Müller), professora que enfrenta o dilema de uma gravidez não planejada. Essas três mulheres, vivendo momentos distintos de suas vidas, buscam conforto junto a Chico Xavier (Nelson Xavier). // Já aviso logo: filme MUITO triste. Mas muito bem feito.

- O que esperar quando você está esperando (What to Expect When You’re Expecting) (2012): Baseado no livro best seller da escritora Heidi Murkoff, que serve como guia para mulheres durante os estágios da gravidez, que terá no elenco Rodrigo Santoro, Jennifer Lopez, Cameron Diaz, Isla Fisher, Chris Rock, Anna Kendrick, Brooklyn Decker, Dennis Quaid e Chase Crawford. O filme segue a mesma linha do filme Simplesmente Amor e mostra a rotina de cinco casais que se preparam para serem pais.

A forçada de barra vai para A Saga Crepúsculo: Amanhecer parte 1 (2011).  Assista e entenda o sentido do bebê depender da mãe para se alimentar...


Alguns filmes que você até pode gostar e que tem como tema gravidez mas que eu recomendo assistir em outra oportunidade:

- Filhos da esperança (Children of Men): Num futuro apocalíptico a humanidade está estéril e o cidadão mais jovem do mundo acaba de morrer aos 18 anos. quando surge uma mulher em adiantada gravidez que precisa ser protegida em nome da sobrevivência da espécie. // Fiz uma crítica sobre esse filme aqui.

- O bebê de Rosemary (Rosemary's Baby): Clássica obra de terror de Roman Polanski, onde uma jovem recém casada é escolhida por uma seita para dar à luz ao filho do diabo. // Tem mãe com gosto pra tudo.

 

Pra terminar, deixo o link de um documentário realizado pela National Geographic chamado Vida no Ventre (nas minhas pesquisas, quase todos os sites que falam sobre o filme dispunham do link para download). Narração em português PT-PT (ou seja, português de Portugal): http://bebealevivi.sites.uol.com.br/ngc.htm

É isso. Se você sentiu falta de algum filme, me avise para que eu possa adicioná-lo aqui. Para as que estão grávidas, aproveitem o período e que seus filhos sejam tão bonitinhos e bonzinhos quanto este aqui:


1 comentários:

  1. E de pirar a cabeça com tanto filme de bebê kiki. Adorei!2 xero...Rê e Bebê

    ResponderExcluir

Bem-vindo!

Sou um colecionador de dvds e criei este blog para compartilhar minhas opiniões e críticas pessoais com demais apreciadores de filmes. Seus comentários são mais do que bem-vindos.

No catálogo acima encontra-se a relação de todos os meus filmes, contendo sinopse, elenco e demais dados técnicos. É só clicar na palavra "catálogo".

Lembrando que os filmes aqui listados não estão disponibilizados para download.

Arquivo do blog


eXTReMe Tracker

Tecnologia do Blogger.
 
Copyright © 2015 Coluna do Leocasillo - DVDTeca
Adapted By denisfln